Mais de 1200 escuteiros aderiram ao Dia de BP online

Partilha esta Notícia

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Este ano vivemos um Dia de BP diferente daquele a que estamos habituados. Devido à pandemia que estamos a atravessar, todas as atividades tiveram de ser adaptadas para o meio digital. Mas nem por esse motivo, deixámos de viver o mês do nosso fundador ao máximo.

Ao longo do mês de fevereiro foram publicadas, diariamente, nas redes sociais da Junta Regional, informações e curiosidades acerca de Baden Powell. Para além disso, decorreram outras dinâmicas, que incidiram no dia 22 com o Mega Kahoot Regional e uma tertúlia com o tema “O Homem a quem o mundo deve o Nobel da Paz”, no dia 27 um jogo de pista virtual e culminando no dia 28 com a Eucaristia celebrada pelo Bispo do Algarve D. Manuel Quintas.

As inscrições ultrapassaram os 1200 elementos. A tertúlia realizada via zoom demonstrou ser, até à data, o maior evento online da região, ao juntar 300 escuteiros, tanto da região como de fora, com a participação do moderador João Armando e os oradores Joaquim Freitas, Ivo Faria, Carlos Alberto Pereira e João Vasco Reis. Outro aspeto positivo assenta-se na adesão por parte dos elementos mais novos, visto que poderia esperar-se que fosse uma tertúlia com um maior público adulto, o que não se verificou. No que diz respeito ao Mega Kahoot, este contou com 413 participantes. Quanto à Eucaristia, não foi tão fácil precisar o número de elementos presentes, tendo em conta que houve agrupamentos que optaram por assistir à Eucaristia em conjunto, através de partilha de ecrã. Uma das grandes inovações deste Dia de BP foi a criação do site regional da atividade, onde elementos e dirigentes podem encontrar toda a informação e publicações feitas relativamente à atividade e vídeos direcionados aos jovens.

Fazendo uma retrospetiva da atividade, considera-se que o feedback foi bastante positivo, tal como indica a avaliação feita pelos participantes. Estamos bastante satisfeitos com o resultado desta atividade, que vivida de uma forma alternativa, espelhou o empenho dos escuteiros em continuar ativos no movimento, mesmo em períodos atípicos. Numa região que acabou por sofrer bastante com as consequências da pandemia, foi uma oportunidade de se viver o dia do fundador do escutismo de forma mais intensiva. Foi também bom ver a adesão dos elementos que foram convidados a sair dos seus quartos e a viverem um Dia de BP muito diferente do que se viveu há um ano, na última grande atividade regional antes do confinamento geral.